Mercado imobiliário 2014: confira algumas perspectivas

Publicado em: 10/12/2013

Perspectivas do mercado imobiliário para 2014

Os lançamentos de imóveis registrados neste ano, de janeiro a setembro, somaram 21,2 mil unidades, alta de 25% em relação ao mesmo período de 2012, segundo dados divulgados pelo Sindicato da Habitação (Secovi-SP). Quanto a alta nos preços dos imóveis residenciais, a perspectiva é que se mantenha no mesmo ritmo deste ano. Além disso, no segmento de apartamentos, a tendência é que fiquem ainda mais compactos, segundo o Comitê de Mercado (NRE-Poli-USP).

Formado por professores e pesquisadores do Núcleo de Real Estate da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (NRE-Poli-USP), e de empresários e executivos do setor, o Comitê de Mercado como é denominado, divulgou nesta semana algumas perspectivas para o ano de 2014. Confira na sequência as principais expectativas:

Capitais: preço dos imóveis está em queda

Há algumas evidências de queda nos preços de algumas capitais que apresentam estoques de imóveis muito altos, como Manaus e Salvador. Nessas cidades, onde os preços estão caindo, algumas construtoras estão deixando esse mercado e liquidando os estoques, como ocorre em Brasília, Vitória e em algumas cidades do Centro-Oeste.

Imóveis lançados em 2014: menores nas grandes cidades e capitais

De acordo com o Comitê e com 97% dos consultados, os segmentos de imóveis presentes em cada área urbana devem permanecer os mesmos em 2014, com uma provável redução das áreas privativas das unidades.

Cidades-dormitórios: lançamentos maiores e mais confortáveis

Os lançamentos de imóveis maiores nas cidades que estão localizadas no entorno dos grandes centros devem continuar com a demanda aquecida. Os consumidores passaram a trocar as moradias perto do trabalho por imóveis mais confortáveis, como o que acontece em Guarulhos (SP).

São Paulo e Rio: pressão nos preços dos imóveis

Em São Paulo, por conta do aumento nos preços dos terrenos e do valor da outorga onerosa (autorização para construir acima dos limites definidos pelo Plano Diretor). E no Rio, a escassez de áreas para novos empreendimentos poderá encarecer os preços dos terrenos e, consequentemente, dos imóveis a serem lançados em 2014.

Preços: aumento de forma semelhante

Para a maioria os executivos do mercado, os preços dos lançamentos em 2014 devem variar com taxas equivalentes ou inferiores às deste ano, ou seja, sem grandes altas. A pressão maior se concentra mais em São Paulo e Rio de Janeiro, como já informado interiormente.

Lançamentos: eixo Rio-São Paulo pode ter variação de taxas

De acordo com o Comitê, 68% dos consultados esperam que os lançamentos de outras capitais sejam inferiores às altas de São Paulo e Rio de Janeiro. Isso se deve à liquidação dos estoques que poderão ocorrer em algumas cidades.

Pensando em adquirir um imóvel residencial? No Consórcio de Imóveis você pode programar a compra da sua casa ou terreno sem entrada e sem juros. Com planos e parcelas flexíveis é possível conquistar o seu imóvel novo ou usado sem burocracia, pois não é necessário comprovar renda no ato da adesão. Faça uma simulação e confira todas as vantagens de adquirir uma cota de consórcio imobiliário.



Veja mais notícias